Quinta-feira, 13 de Maio de 2010

.: 134. Perfume: The Story of a Murderer, Patrick Süskind :.

276 páginas

Sinopse:

Survivor, genius, perfumer, killer: this is Jean-Baptiste Grenouille. He is abandoned on the filthy streets of Paris as a child, but grows up to discover he has an extraordinary gift: a sense of smell more powerful than any other human's. Soon, he is creating the most sublime fragrances in all the city. Yet there is one odor he cannot capture. It is exquisite, magical: the scent of a young virgin. And to get it he must kill. And kill. And kill.

 

Opinião:

Um livro verdadeiramente único, que é construído de uma forma arriscada: toda a história se desenrola em volta de cheiros, perfumes... algo que é difícil de passar para o papel de forma verossímil. É realmente uma obra onde somos guiados por um forte sentido de olfacto, onde vemos o mundo de forma diferente. As descrições são deliciosas e muito bem construídas,  feitas com tanta vivacidade que quase conseguimos sentir-nos envolvidos nos diferentes cheiros. O autor guia-nos detalhadamente pelos processos de criação de um perfume - pelo menos, os que se utilizavam há algumas décadas atrás - e adorei que esse tipo de informação fosse incluído: torna o livro numa fonte de aprendizagem.

No início, o enredo não se centra muito na vertente de thriller que é utilizada para descrever a obra; esta é, no entanto, a história de um assassino, que embora não faça jus a essse nome durante grande parte do livro, acaba por ganhar terreno e compensar essa "falha" já nos capítulos finais. A forma como a história termina foi, a meu ver, muito bem elaborada - um óptimo final para um livro que não devem perder.

Sílvia às 10:34
link | comentar | (2)
Terça-feira, 25 de Setembro de 2007

.: 62. Momo, Michael Ende :.

196 páginas

 

Michael Ende, filho do pintor surrealista Edgar Ende, nasceu em 1929. Estudou na Escola de Teatro de Munique e, durante alguns anos, trabalhou como actor. Abandonou mais tarde o teatro para se dedicar à leitura. Publicou vários livros infantis e juvenis, muitos dos quais premiados. Nas suas obras, predominam a ligação do real com o fantástico, poesia e tensão narrativa, uma hábil caracterização das personagens e diálogos cheios de humor. Essa mesma atmosfera de magia e realidade está patente em Momo.

 

Sílvia às 10:29
link | comentar
Sexta-feira, 10 de Agosto de 2007

.: 55. Deus Dorme em Masúria, Hans Hellmut Kirst :.

334 páginas

 

Uma obra-prima de humor e observação.


A chegada do nacional-socialismo a uma aldeia perdida e tranquila.


Um pequeno mundo que, por acidente, desperta e descobre que Deus ali dormia.

 

Sílvia às 12:57
link | comentar
Quinta-feira, 29 de Março de 2007

.: 22. Querida Corsária, Konsalik :.

 

345 páginas

 

Areia branca, mar imenso, amor sem freio. Cenário de aventuras e paixão, as Caraíbas infiltram-se na alma de quem por ali passa. Rainherr descobre a verdadeira identidade do capitão dos piratas. Ele é afinal ela. Explique-se: o capitão é na verdade uma bela mulher. Primeiro odeiam-se, depois amam-se. Perseguidos pelo ciúme de um antigo amante tentam encontrar a sua paz em outras paragens.

Pirata de olhos de fogo. Nada fazia prever que por debaixo da rudeza do pirata se escondia uma mulher. Assaltado pelos corsários, Dr. Andreas Rainherr, um famoso químico, acaba por socorrer o capitão dos piratas que se fere durante a disputa. Ao ajudá-lo descobre o seu segredo – trata-se afinal de uma mulher. Mary-Anne ainda planeia silenciá-lo, mas apaixona-se pelo corajoso inventor. Fernando Dalques, antigo cúmplice da pirata, não se conforma com a nova paixão de Mary-Anne. Enquanto eles tentam construir o seu destino juntos ele tudo fará para destruir a sua relação.

Num peculiar enlace de amor e aventura, Konsalik, o famoso autor alemão com mais de 100 milhões de cópias vendidas em todo o mundo, propõe uma irrecusável viagem pelas Caraíbas. Exótico e divertido, tudo no livro nos conduz a uma veloz leitura - a uma imparável curiosidade quanto ao destino das personagens.

 

Sílvia às 15:42
link | comentar